Estratégias para um cérebro mais saudável

Algum esquecimento, como ocasionalmente acontece conosco como o do dia de pagar uma conta ou a dificuldade para lembrar uma palavra, é normal em qualquer idade. Mas o declínio cognitivo, como o de lutar constantemente para lembrar as contas mensais ou manter o foco nas conversas, com certeza não é uma parte natural do envelhecimento.

A verdade é que sua mente, assim como seu corpo, é sempre capaz de mudar para melhor ou para pior. O grau e a natureza dessa mudança têm menos a ver com a idade e mais a ver com ação. Como acontece com seu corpo, o desempenho da mente melhora com um treinamento adequado e consistente.

Leia as cinco estratégias comprovadas pela ciência que você pode começar a usar hoje para construir um cérebro mais forte:

  1. Mexa seu corpo: Quando se trata de treinar o cérebro, seu corpo é uma parte essencial da fórmula. O exercício é a coisa mais importante que qualquer pessoa pode fazer para melhorar a função cerebral e a resiliência a doenças.
  2. Estimule sua mente: Se você sempre quis aprender outro idioma, isso é um grande impulso. Considere tentar algo novo, como uma aula de culinária online, começar um novo hobby ou ler um livro de não ficção que está fora do seu escopo de especialização.
  3. Descanse o corpo e cérebro: O sono não é apenas um período de descanso, mas um processo de restauração essencial que afeta todos os sistemas do corpo. Isso é especialmente verdadeiro para o cérebro, que depende de um sono profundo de qualidade todas as noites para a consolidação da memória. Outro aspecto importante é dar-lhe pausas regulares do estresse. Isso é vital para a saúde do cérebro, pois um alto nível do hormônio do estresse cortisol está relacionado à inflamação do órgão, ao declínio cognitivo e ao aumento do risco da doença de Alzheimer.
  4. Abasteça seu cérebro: Não há como negar que os alimentos e as bebidas que consumimos podem ter implicações positivas ou negativas para a saúde. Como tal, optar por certos alimentos e limitar outros pode ajudar a promover a saúde do cérebro e prevenir seu declínio.
  5. Conecte-se com outras pessoas: Os seres humanos são sociais, por isso não é surpreendente que os relacionamentos desempenhem um papel na saúde do cérebro. É importante cultivar ativamente os relacionamentos existentes, por meio da comunicação, regular e promover novos relacionamentos, participando de novas atividades.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: